Porque se paga?


Porque se paga? Questionou-nos a Cláudia, uma jovem interessada em participar na 1ª Feira Internacional de Emprego e Congresso Trabalhar num Navio. 

Provavelmente também o João, a Rita, o Pedro, a Joana, e outras pessoas têm a mesma questão: Porque é necessário pagar para visitar uma Feira de Emprego, entregar o CV, fazer uma entrevista com uma companhia de cruzeiros e obter um contrato de trabalho? 

Questões importantes e muito bem-vindas! 
Vamos explicar porque é assim.


1ª razão
Os visitantes, assim como as empresas que estão presentes na 1ª Feira de Emprego e Congresso Trabalhar num Navio, pagam um determinado valor para que este evento possa existir. Se assim não fosse, não existiriam receitas suficientes para pagar as despesas e o evento não se poderia realizar. Não teríamos assim em Portugal, num só dia, mais de 15 companhias nacionais e internacionais a contratar profissionais para trabalhar em navios. 
E de que despesas falamos? A lista não é pequena e inclui os custos da utilização do espaço do evento, a construção e manutenção da plataforma web, o design e comunicação, a impressão de cartazes e folhetos, as equipas de fotografia e de vídeo presentes, a publicidade do evento, a produção de brindes e credenciais, o secretariado e gestão do evento, a equipa de coordenação presente, o marketing para comunicar com empresas internacionais e as conseguir cá trazer, entre outras. 

2ª razão
As companhias de cruzeiros que estarão presentes na 1ª Feira Internacional de Emprego e Congresso Trabalhar num Navio, incluindo a AIDA, CUNARD, DISNEY, DOUROAZUL, EMERALD, MSC Cruzeiros, P&O, SCENIC, SEABOURN, SILVERSEA, UNIWORLD, VIKING, VSHIPS, etc., pretendem contratar profissionais com talento e atitude, decididos e determinados a trabalhar em navios, prontos para embarcar, se possível até final do ano. Procuram também estudantes motivados, para lhes apresentarem as suas companhias e oportunidades. 
Querem dedicar o tempo das suas equipas de recrutadores, a entrevistar pessoas que querem mesmo trabalhar em navios, pessoas que estão dispostas a pagar um pequeno valor para estarem num espaço profissional e objetivo, a conversar e aprender com os melhores, em ambiente selecionado e qualificado. Se o evento fosse de entrada livre, estaria cheio de pessoas que querem estar “porque sim”, porque “o grupo de amigos vai”, para “ver como é”, ocupando o tempo das empresas e prejudicando as pessoas que querem mesmo trabalhar em navios. 

Em resumo
Paga-se para estar na 1ª Feira Internacional de Emprego e Congresso Trabalhar num Navio, porque este evento é para quem realmente quer trabalhar em navios. Mas se ainda persistirem algumas questões, as nossas linhas de contacto estão abertas 24 horas por dia: 
informacao@apormar.pt
+351 91 7020363 

Não fiques a ver navios. Participa na 1ª Feira Internacional de Emprego e Congresso Trabalhar num Navio.